Sábado, 16 de Abril de 2005

...

 



 


 DESPEDIDA DE AMOR


globo8.gif



Todos sofremos,


Por amor,


Felicidade,


E dor.


 


Profundo amor,


Ardor e clamor.


Nestes últimos dias,


Recordo o meu amparo,


Meu querido Pai.


Sei que longe de onde estás,


Sofres,


Longe de Te poder ajudar,


Sofro, choro...


Sei que a doença se prolonga.


Pouco tempo durará...


Apenas quero Te agradecer,


Tudo...


Sem jamais poder negar,


O fruto do amor que me destes,


Agradeço-te tudo meu querido Pai.


Sonha bem, sonha para o resto da vida.


Estarás sempre comigo, pois sei que neste momento,


Sofres,


Muitas coisas contigo aprendi,


Ensinastes-me a VIDA...


A educação e o respeito.


Em tempos te odiei,


Lamento, pois fui desumano,


Jamais me esquecerei e sem perdão terei.


Agora que te vais,


Peço-te que me perdoes,


POIS GOSTO MUITO DE TI.


Vai-te, vai com Deus e com calma...


E perdoa-me.


Contigo muito aprendi,


E do meu ser decidi


Do que de tudo sobrevivi


Foi devido a Ti.


 


DESCANÇA EM PAZ QUERIDO PAI.


AMOR DE FILHO ETERNO


2005-04-16

publicado por antoniopiressoares às 22:35
link do post | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Setembro 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
23

24
25
26
27
28
29
30


.posts recentes

. Página de Homenagem póstu...

. Mensagem de Adilia Pires ...

. Homenagem póstuma a Antón...

. ...

. ...

. ...

. ...

. ...

. ...

. ...

.arquivos

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

blogs SAPO

.subscrever feeds