Domingo, 3 de Abril de 2005

...

Oceano


CIMG1796.jpg



Cada palavra


Que da fala


Voa,


 


Nem sempre exala


A gota que escoa


Do oceano da minha alma.


António Soares


02-04-2005

publicado por antoniopiressoares às 17:45
link do post | favorito
|
4 comentários:
De isa a 4 de Abril de 2005 às 16:50
O mar sempre o mar, nosso companheiro.

Gostei!


De docerebelde a 4 de Abril de 2005 às 16:19
São poucas as palavras escritas mas...eu li tanto ! Será que fiz a leitura correta!? Por vezes o que se lê nas "eñtrelinhas" não corresponde ao que o poeta não escreveu...ao que pretendia dizer mas não disse, mas é a forma que dispomos , e ás vezes está certa. Desejo-te que as gotas que escoam do Oceano da tua alma...exalem....o suficiente para que alcançarem seu destino. Bjs


De Enamorada a 4 de Abril de 2005 às 08:09
São palavras escritas mas muito sentidas..Um boa Semana.


De Maria Papoila a 3 de Abril de 2005 às 19:20
Lindas palavras deixas-te hoje. Boa semana


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Setembro 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
23

24
25
26
27
28
29
30


.posts recentes

. Página de Homenagem póstu...

. Mensagem de Adilia Pires ...

. Homenagem póstuma a Antón...

. ...

. ...

. ...

. ...

. ...

. ...

. ...

.arquivos

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

blogs SAPO

.subscrever feeds