Segunda-feira, 12 de Junho de 2006

...

 Flor de Mim


orquidea.jpg


Flor, talvez
mas nunca rosa opulenta
nem orquídea requintada
nem cravo aberto de esperança.
Nenhuma flor de enfeite
nenhuma cor de requinte
nenhum emblema gritante.
Flor, talvez.
Se quiseres
perceber a flor de mim
pensa na que surge um dia
entre a secura do campo.
É frágil,breve,pequena
resiste à ardência do sol
no tempo que lhe é dado.
Flor, talvez
da cor dos sonhos suaves.
Flor azul, azul, azul.

publicado por antoniopiressoares às 18:06
link do post | favorito
|
6 comentários:
De Ly a 17 de Junho de 2006 às 03:45
Estou sempre por aqui meu lindo. Risos, ando só meio de faro baixo.....mas sempre venho.

beijus

Ly


De Carla Silva a 15 de Junho de 2006 às 18:04
Muito bonito este poema - escrito com muito sentimento.
Parabéns e um bom fim-de-semana.


De Ana Luar a 14 de Junho de 2006 às 11:38
Olá António acho que é a 1ª vez que aqui passo, confesso que adorei ver a delicadeza dessa flor que tão bem pintas de azul. Belo, muito belo!


De Sabes quem sou a 13 de Junho de 2006 às 20:18
Quero perceber a flor de ti, quero ser frágil, mas não tão breve, não tão pequena para que possas avistar a cor da ternura que brilha no pulsar das minhas palavras... o meu sonho é mudar de cor e ser a suavidade azul onde mergulha o sol poente.


De Mitzu a 13 de Junho de 2006 às 18:04
Olá Antonio!
A maestria que envolve o desenrolar deste poema encanta, mostra a exuberânsia e ao mesmo tempo a fragilidade desta pequena grande flor que deve ser teu coração.

Belo poema...parabéns.

Um abraço.

Mitzu


De Heloisa B.P. a 12 de Junho de 2006 às 20:39
TODO O POEMA E' LINDO E DELICADO, COMO A *FLOR*! Mas, faco este DESTAQUE:

"Flor, talvez.
Se quiseres
perceber a flor de mim
pensa na que surge um dia
entre a secura do campo.
É frágil,breve,pequena
resiste à ardência do sol
no tempo que lhe é dado.
Flor, talvez
da cor dos sonhos suaves.
Flor azul, azul, azul"
******************************FICA MEU ABRACO!
Heloisa.
----------


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Setembro 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
23

24
25
26
27
28
29
30


.posts recentes

. Página de Homenagem póstu...

. Mensagem de Adilia Pires ...

. Homenagem póstuma a Antón...

. ...

. ...

. ...

. ...

. ...

. ...

. ...

.arquivos

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

blogs SAPO

.subscrever feeds