Quinta-feira, 28 de Outubro de 2004

UMA FORÇA INVISÍVEL



Há sempre uma força invisível
dentro de nós
quando caídos
nos erguemos
e olhamos o futuro.

Uma força
de esperança e coragem
de poder lutar
de prosseguir nosso destino.

Essa capacidade de sofrer
decidir entre o bem e o mal
reagindo à verdade
que só o coração pode julgar.

Este instinto
de estar vivo
liberdade natural
no sentimento
em cada um de nós
e no mundo.

Não sei que nome
lhe hei-de dar
talvez amor
sentimento de dádiva e ilusão,
talvez Deus
de crenças e fés
que nos incutem à nascença.

Talvez tudo
ou talvez nada.
Apenas essa força invisível...
que nos corre no sangue.


 


António Soares


28-10-2004

publicado por antoniopiressoares às 19:25
link do post | favorito
|
1 comentário:
De pauxana a 28 de Outubro de 2004 às 22:50
Sim, por vezes não sabemos muito bem de onde vem a força que nos permite sair até do abismo mais profundo.


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Setembro 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
23

24
25
26
27
28
29
30


.posts recentes

. Página de Homenagem póstu...

. Mensagem de Adilia Pires ...

. Homenagem póstuma a Antón...

. ...

. ...

. ...

. ...

. ...

. ...

. ...

.arquivos

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

blogs SAPO

.subscrever feeds